Force Post é o Pino de Alta Resistência da DSP White

Forcepost é um pino fabricado em compósito de fibra de vidro e resina epóxi de alta resistência mecânica que atua como reforço intrarradicular da estrutura dental e promove retenção para o material restaurador definitivo ou núcleo de preenchimento, no caso de restaurações indiretas.

KIT COMPLETO FORCEPOST DC
Contém 5 pinos de cada
tamanho (DC0.5, DC1,
DC2, DC3 e DC2L) com
suas respectivas brocas
(25 pinos e 5 brocas).

KIT INTRO FORCEPOST DC ou DCL
Contém 5 pinos ForcePost
de um determinado
tamanho e sua respectiva
Broca.

KIT ESPECIAL FORCEPOST DC e DCL
Contém 5 pinos de cada
tamanho (DC0.5, DC0.5L,
DC1, DC1L e DC2L) com
suas respectivas brocas
(25 pinos e 5 brocas).

REFIL FORCEPOST
DC ou DCL
Contém 05 pinos
ForcePost de um
determinado tamanho.

Tire suas dúvidas

A indicação de um pino de fibra de vidro intrarradicular está diretamente relacionado à necessidade de se restaurar um dente tratado endodonticamente para auxiliar na retenção do material restaurador e distribuir tensões impostas ao dente.

Em caso de dente com grande destruição coronal por cárie, traumatismo ou restauração extensa recomenda-se a colocação de pino intraradicular para reforço da porção coronal, minimizando, assim, a probabilidade
de fratura. Pode ser usado com sistemas adesivos duais ou  fotopolimerizáveis

1º Passo
Faça o exame radiográfico (radiografia periapical) e verifique a qualidade da endodontia. Selecione o pino de acordo com o diâmetro do conduto, posicionando a Régua de Seleção DSP ForcePost ou o pino sobre a
radiografia do dente.

2º Passo
Isole o campo operatório. Priorize o uso do dique de borracha.
3º Passo
Remova a guta percha do canal utilizando broca ou instrumento adequado mantendo de 3 a 5 mm de guta percha na região apical, garantindo o selamento da obturação endodôntica.

4º Passo
Prepare o conduto radicular com as brocas próprias específicas para cada pino (número) para uma adaptação ideal.
5º Passo
Coloque o pino selecionado em posição e radiografe para avaliar sua adaptação e o seu posicionamento. O pino deverá estar perfeitamente adaptado ao preparo executado, não apresentando espaços entre
o término do pino e a guta percha.
6º Passo
Recorte o excedente coronal do pino se necessário e leve novamente em posição para verificação do ajuste;

NOTA 1: Caso o conduto seja demasiado amplo opte por um pino DSP ForcePost DCL.
NOTA 2: Faça a limpeza do pino DSP ForcePost com álcool 70% ou DSP Asepsis Solução a 2% (DSP).
Recomenda-se esterilizar o pino em autoclave (121ºC e 15 psi) antes de sua
cimentação. O pino deverá estar bem seco no momento da cimentação.
Utilize uma embalagem própria durante a esterilização e observe as condições de esterilização especificadas. Condições diferentes das especificadas podem danificar o produto.

7º Passo
Aplique gel de ácido fosfórico (DSP Etch 37%) por 15 segundos dentro do conduto radicular e estrutura dental remanescente. Lave rigorosamente e remova o excesso de água com cones de papel absorvente;

8º Passo
Utilize o Microaplicador para a aplicação do sistema adesivo conforme instruções do fabricante em toda a extensão do canal radicular condicionado e fotopolimerize por 40 segundo.

9º Passo
Aplique DSP Silane sobre a superfície de todo o pino e aguarde a secagem do mesmo.

10º Passo
Com uma broca lentulo, leve o cimento resinoso (DSP Force Dual Cure) ao canal. Se preferir, besunte o pino com cimento e insira-o no conduto.

11º Passo
Faça a inserção cuidadosa do pino no canal e proceda a fotopolimerização do cimento pela superfície e através do pino.

Os pinos podem apresentar expostas pontas das fibras de vidro que os compõem e estas podem perfurar a pele. O corte dos pinos para
ajuste do comprimento também podem expor fibras perfurantes. Utilize óculos de proteção durante o corte dos pinos e evite cortar
próximo à face do paciente para prevenir algum eventual acidente ou desconforto com resíduos do corte. Evite aspirar o pó oriundo
do corte dos pinos. 

Para manipular o produto utilize sempre luvas de látex. Os pinos devem
estar isentos de sujidades oleosas, materiais orgânicos ou quaisquer outros agentes contaminantes no momento da cimentação
para evitar falha de adesão.

•Kit Completo (DSP ForcePost DC): Contém 5 pinos de cada tamanho (DC0.5, DC1, DC2, DC3 e DC2L) com suas respectivas brocas (25
pinos e 5 brocas).
•Kit Especial (DSP ForcePost DC e DCL): Contém 5 pinos de cada tamanho (DC0.5, DC0.5L, DC1, DC1L e DC2L) com suas respectivas brocas (25 pinos e 5 brocas).
•Kit Introdutório (DSP ForcePost DC ou DCL): Contém 5 pinos DSP ForcePost de um determinado tamanho e sua respectiva Broca.
•Refil (DSP ForcePost DC ou DCL): Contém 05 pinos DSP ForcePost de um determinado tamanho.

Para acessar a bula (IFU) acesse dspbiomedical.com/ifu ou clique no botão abaixo e digite o código 0.9000